Quarta-feira, 2 de Janeiro de 2008

Mas...afinal o que é o TEMPO?

No século IV, Santo Agostinho respondia à indagação sobre o que é o tempo da seguinte forma: ``se ninguém mo perguntar, eu sei; se o quiser explicar a quem me fizer a pergunta, já não sei''.

O tempo continua tendo mistérios para a humanidade e ainda é assunto de debate entre os filósofos e entre os cientistas.

A dificuldade de Santo Agostinho e tantos outros filósofos para definir o tempo, na verdade, também existe na definição do espaço, pois ambos são conceitos adquiridos por vivência, e que em ciência são identificados como conceitos primitivos. Na ciência a aceitação de um conceito primitivo o torna real. Assim, embora sem definir o tempo em poucas palavras, a ciência moderna identifica as suas características e realiza medidas relativas ao tempo.

A ciência tem se preocupado com várias indagações sobre o tempo, algumas que são feitas também pelos filósofos: se o tempo é absoluto, se é finito ou infinito, por que ocorre somente numa direcção, e até se seria possível "viajar" no tempo…

Cf.: http://www.cepa.if.usp.br/e-fisica/mecanica/curioso/cap03/cap3framebaixo.php


publicado por tpf às 01:15
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 22 de Outubro de 2007

Possibilidade de escolher ou isso a que chamamos Liberdade

 

 

 

O que é que define o ser humano? Não os instintos ou a nossa dotação genética, tão semelhante ao dos outros animais, mas a nossa capacidade de decidir e inventar acções que transformam a realidade ( …) e a nós mesmos. Essa disposição chamada “ liberdade”, é a nossa condenação e também o fundamento do que consideramos a nossa dignidade racional. Nas suas origens gregas, o termo não se referia a nenhuma condição metafísica aposta ao determinismo natural, mas designava a situação social de quem não era escravo e, por isso, podia movimentar-se ou actuar segundo a sua vontade sem obedecer a um amo: ou seja, desfrutava da possibilidade de escolher. Também para compreender hoje o que entendemos por “ liberdade” ( e para educar no seu bom uso ) deveríamos, em primeiro lugar, analisar cuidadosamente o que significa e supõe a capacidade de escolha.
 
In Contracapa de A CORAGEM DE ESCOLHER de Fernando Savater, D. Quixote, 2004

publicado por tpf às 22:46
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 8 de Março de 2007

Miguel Baptista Pereira (1929-2007)

 

Foi ontem a sepultar Miguel Baptista Pereira (1929-2007), meu Mestre na Faculdade de Letras de Coimbra, leccionando a cadeira de  Antropologia Filosófica. Graças ao seu estímulo escrevi  como dissertação " Pressupostos Axiológicos da Bioética" (1995). Filósofo,  Investigador, Mestre...em Coimbra ensinou durante quatro décadas. A defesa dos Direitos do Homem e a sua clarividente reflexão sobre os Problemas do Mundo de hoje e o seu poder de comunicação marcaram, estou crente, todos quantos dele foram discípulos.

 

" O mundo contemporâneo é percorrido por vagas persistentes de intolerância, de fanatismo, de nova religiosidade sectária e de nacionalismo agressivo, em pleno contraste com as exigencias de secularização, de liberdade, de crítica, de tolerância, da razão moderna " - escreveu no nº 2 da Revista Filosófica de Coimbra.

 


tags:

publicado por tpf às 00:28
link do post | comentar | favorito
Sábado, 17 de Fevereiro de 2007

o meu credo filosófico

O Pensador de Rodin

Pensar para quê?

O pensar filosófico não é - contrariamente ao que muitos julgam e alguns crêem praticar - um entretenimento diletante para amadores do curiosum e potenciais neflibatas. Aprofunda uma dimensão fundamental do nosso exercício de humanidade e só no horizonte deste, logra verdadeiro sentido e determinação.

Não é simples modo de vida, nem excedentário ornamento do viver; mas expressão constitutiva da própria racionalidade que, na concreção     histórico-material da prática, tem o solo em que enraiza e o horizonte em que se desenvolve.

FAZER DA FILOSOFIA UMA COISA SÉRIA

ARTICULA-SE NUCLEARMENTE

COM UM LEVAR DA VIDA A SÉRIO.

E A VIDA É NA VERDADE ALGO DE SÉRIO.

É PORQUE COM SERIEDADE A TOMAMOS

QUE PODEMOR RIR

SEM A ALARVARIA BOÇAL DO NÃO SABER PORQUÊ,

SEM O DESDÉM NERVOSO DA IMPOTENCIA,

MAS COM A ALEGRIA CONFIANTE DE QUE

" O QUE É" PODE SER DE OUTRA MANEIRA,

 E POR ISSO

NÃO TEME O QUE VIER.

J. Barata Moura, A "realização da razão" - um programa hegeliano?, Ed. Caminho, 1990

 


publicado por tpf às 20:02
link do post | comentar | favorito

.o meu poema...

... Gostava de ser poeta/dizer o indizível/pensar o impossível/...agarrar a palavra certa!

.Outubro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24

26
27
28
29
30
31


.posts recentes

. Mas...afinal o que é o TE...

. Possibilidade de escolher...

. Miguel Baptista Pereira (...

. o meu credo filosófico

.tags

. ´monsaraz

. 11 de setembro

. 25 abril

. 25 de abril

. a. caeiro

. abba

. abertura

. absurdo

. actualiadade

. actualidade

. agricultura biológica

. alegria

. alfabetização

. algarve

. almendres

. alviela

. alvorada

. amar_sofrer

. ambiente

. amizade

. amor

. amor-ódio

. amorpelafotografia

. amorpelasférias(!)

. amorporportugal

. amorportugal

. ano

. ano da terra

. ano internacional

. ano novo

. anseios

. arqueologia

. arte

. aspiração

. ausencia

. autobiografia

. azulejos

. barata moura

. beijo

. beirabaixa

. bernardo de chartres

. big bang

. big brother...

. bio

. biografia

. blogue

. boff

. brecht

. budismo

. cabedelo

. caetano veloso

. calendario

. calendário

. calma

. capitalismo

. cat stevens

. ciência

. contentamento

. conversao

. crendice

. cristianismo

. cromeleque

. cruz

. culpas

. desejo

. desencontros

. destaque sapo

. desumanizaçao

. deus

. escolha

. esperança

.

. felicidade

. filosofia

. humor

. imagens

. kafka

. liberdade

. madonna

. música

. musica

. musicvid

. natureza

. oração

. pensamentos

. poesia

. política

. portugal

. reflexão

. relações

. religião

. responsabilidade

. sexo

. teatro

. tempo

. temporalidade

. tomar

. torga

. viagens

. vida

. todas as tags

.posts recentes

. Mas...afinal o que é o TE...

. Possibilidade de escolher...

. Miguel Baptista Pereira (...

. o meu credo filosófico

.pesquisar

 

.subscrever feeds